O Nascimento de Arete

Luís Guerra

Convento da Saudação
12 SET 2016 a 09 OUT 2016


Entramos no teatro e sentamo-nos. Damos uma vista de olhos na folha de sala, mas poucas pistas nos são dadas. Temos o título, "O nascimento de Arete". Alguém na fila da frente diz que se recorda de ouvir este termo nas aulas de Geologia, mas outro atrás de nós diz que acha ter a ver com Filosofia. Sinceramente nunca tínhamos ouvido a palavra mas, entre as duas, a verdade é que sempre obtivemos mais prazer com o estudo da primeira. Na dúvida permaneceremos. E não nos importamos. Intuímos que o título vale o que vale e que será, provavelmente, um mero rótulo para não deixar a obra sem título. Sabemos que isto que viemos ver foi-nos apresentado como um espectáculo de dança. Isso basta-nos. Ouve-se o aviso para desligar telemóveis. As luzes do público apagam-se e a cena começa a revelar-se lentamente. Avistamos uma figura a mover-se de uma forma delicada e extremamente desenhada. Os seus gestos subtis e cristalinos parecem-nos fruto de um trabalho coreográfico rigoroso. Dança aparentemente sozinha no centro do palco e sem qualquer acompanhamento musical evidente. Mas de repente (...)




de Luís Guerra
com Alice Guerra, António Cabrita, Gonçalo Ferreira de Almeida, Luís Guerra e Luís Marrafa
Música Ulrich Estreich (1o acto), Darr Tah Lei (2o acto)
Bordados Carol Carvalho
Luzes e direcção técnica Zeca Iglésias
Produção Andreia Abreu
Co-produção Rede 5 sentidos