HECTOR

André Mendes

PT
18 ABR 2016 a 28 ABR 2016

'A partir de' é o mote de criação de HECTOR; um solo que se debruça sobre a resistência física e espírito de busca incessante, trazendo aos limites do corpo as características do próprio mito. Protegido de Apollo, protetor de Tróia, o domador de cavalos, comandante entre os tróianos, príncipe entre os príncipes. Guerreiro maior de Tróia, carrega a coragem, nobreza e sabedoria que não o igualam aos Deuses mas que também não o retém na natureza humana condensando, numa figura, a linearidade e força de resistência. Quem é Hector? Quem é este Hector? Num espaço vazio, ausente de história, é a fiscalidade, o rigor e a depuração do mito tornado Homem.

Ficha artística
Direção artística, espaço cénico e interpretação: André Mendes
Música original: Pedro Augusto aka Ghuna X
Desenho de luz: Rui Monteiro
Assistência de movimento e pesquisa: Cristina Planas Leitão
FIgurinos e adereços: Jordann Santos
Registo de cena: Pedro Mendes
Registo de vídeo: Eva Ângelo
Gestão: Heurtebise
Apoio à criação: Fundação Calouste Gulbenkian
Co-produção: Teatro Municipal do Porto, Casa das Artes Famalicão
Parcerias institucionais: Companhia Instável, O Espaço do Tempo
Agradecimentos: Allan Falieri, Álvaro Campo, Daniela Gonçalves, Emanuel de Sousa, Hugo Calhim Cristovão, Luiz Antunes