Segunda-Feira, atenção à direita

Cláudia Dias

PT
BlackBox d'O Espaço do Tempo
02 FEV 2016 a 07 FEV 2016




Quando levamos um soco, pelo menos acontece qualquer coisa. Com alguma sorte, se dermos por ela, temos noção que está a acontecer. É um primeiro passo, quando nos esmurram a cara, saber algo. Mas bom mesmo é saber quem, como, para quê, o que foi.

Num mundo de agressão mais ou menos dissimulada, em casa e no trabalho, e mais ou menos simulada, no ócio e no lazer, é de esperar que mais cedo ou mais tarde alguém nos dê esse soco. Nem que seja metafórico. O que surpreende é que tanta gente apanhe sem saber porquê.

Antes de deixar, por inadvertência, que alguém nos esmurre a cara, é bom ter presente as consequências do ato. Não saber quais são a motivação e a finalidade desse mesmo ato é, por mais que o murro nos acerte em cheio, passar ao lado dos acontecimentos. Sem entendimento, o facto é-nos
alheio. Eis como um conflito pode chegar a não ser, mesmo depois de ter acontecido. Que é o agora? Comparado com o antes e o depois, nada. Antes e depois do impacto, avaliemos o ato. A partir disto, construamos o edifício do próprio tempo, a história, e a nossa memória do futuro.

Não ter medo. Não ter medo de tudo. Não deixar o medo ter tudo. Não edificar sobre ele o portugal futuro.





Conceito e Direcção Artística Cláudia Dias
Artista Convidado Pablo Fidalgo Lareo
Intérpretes Cláudia Dias, Pablo Fidalgo Lareo e Jaime Neves
Acompanhamento Crítico - 7 Anos 7 Peças Jorge Louraço
Treinador de Box Jaime Neves Paulo Seco Boxe Team
Som João Miguel Fonseca
Video Bruno Canas
Diretor Técnico Nuno Borda D’Água
Cenário e Iluminação Thomas Walgrave
Produção executiva Alkantara
Residências artísticas Espaço Alkantara; Göteborg Dance and Theatre Festival e Vitlycke Centre for Per-
forming Arts, com o apoio de KID Gothenburg; Teatro Extremo e Teatro - Estúdio António Assunção; Companhia de Dança de Almada; O Espaço do Tempo; Teatro Municipal do Porto .Rivoli.Campo Alegre
Co-Produção Alkantara Festival, Maria Matos Teatro Municipal, Teatro Municipal do Porto .Rivoli.
Campo Alegre, Noorderzon Performing Arts Festival Groningen
Projecto Apoiado por: EUROPOLY, um projeto do Goethe-Institut na Europa em cooperação com Münch-ner Kammerspiele Munique, Onassis Cultural Centre Athens, Sirenos – Vilnius International Theatre Festival, Teatro Municipal Maria Matos Lisboa e Tiger Dublin Fringe.
Ideia, desenvolvimento e gestão do projecto Goethe-Institut na Lituânia